Os Atores Que Deram Vida ao Superman

Compartilhe:
Nos Estados Unidos já está nos cinemas Man of Steel, novo filme do azulão, com direção do visionário Zack Snyder. Infelizmente, devido à Copa das Confederações, a estreia do filme foi adiada aqui no Brasil, o que motivou os protestos ferozes que vem ocorrendo em todo país.
 
 
Henry Cavill se junta assim ao time de atores que já encarnaram o herói da DC Comics. Vamos relembrá-los agora e ver como a cuequinha por cima da causa foi diminuindo ao longo do tempo, até desaparecer?
 

Kirk Alyn (1948)

 
 
Alyn viveu o personagem no seriado Superman, em preto-e-branco. A origem do herói é a mesma das HQs (ele é enviado à Terra por seus pais, antes que Krypton seja destruído), mas a trama girava em torno dos planos malignos de uma vilã chamada Spider Lady (?!?).
 
 
quase uma samba-canção 
 
Se ferraram, meliantes
 
Duas curiosidades sobre a série. Primeira: Kirk Alyn era creditado apenas como Clark Kent, enquanto o Superman aparecia como “Superman as himself” ou “Super-Homem como ele mesmo”.  Segunda curiosidade: as cenas de ação eram misturadas a animações. Superman foi um em enorme sucesso na época.
 

 

George Reeves (1952)

 
Reeves foi o herói no longa-metragem Superman and the Mole Men, lançado ao mesmo tempo em que a série de TV Adventures of Superman, assim como a anterior, feita em preto-e-branco, porém, mais tarde, colorizada digitalmente.
 
 
Sucesso estrondoso, principalmente entre as crianças, o seriado continuou sendo feito até 1958. Uma curiosidade, Reeves quase nunca utilizava dublês, realizando ele mesmo grande parte das cenas de ação.
 
 
Um ano depois do cancelamento do seriado, faleceu Reeves, encontrado em seu apartamento, com um tiro na cabeça.As investigações policiais apontaram suicídio, por motivo de depressão, causada justamente pelo fim da série. Entretanto, amigos e familiares acreditavam em assassinato. Essa segunda hipótese nunca foi comprovada. Recentemente, essa polêmica foi abordada pelo filme Hollywoodland (2006), em que Ben Affleck interpreta (surpreendentemente bem, acreditem) George Reeves.
 
 

 

Christopher Reeve (1978)

 
Somente 20 anos depois do fim de Adventures of Superman, o herói ganhou mais uma versão de carne-e-osso. Christopher Reeve, meu Superman preferido, é inegavelmente o mais famoso e marcante de todos.
 
 
Superman: O Filme, dirigido por Richard Donner agradou em cheio os fãs do Homem de Aço. Reeve estrelou ainda as continuações de 1980, 1983 e 1987. Infelizmente, devido a conflitos com produtores, Donner deixou o projeto durante a produção do segundo filme, com quase tudo pronto. Richard Lester foi contratado para terminar o filme e Donner sequer foi creditado, apesar de grande parte ter sido filmada por ele. Recentemente, (nos EUA) foi lançada em DVD Superman II – The Richard Donner Cut, a versão de Donner. Superman III  e Superman IV tomam rumos muito diferentes do caminho apontado pelo primeiro filme e, consequentemente,  são duas bostas fedidas. Mas, vamos esquecer essas lástimas, porque Reeve, ah, era uma obra-de-arte:
 
 
Mais de trinta anos após Superman: O Filme, Christopher Reeve ainda é lembrado como o Superman. Em 1995, o ator sofreu uma queda de um cavalo, o que o deixou tetraplégico. Iniciou assim, uma luta pela legalização de pesquisas com células-tronco e criou a Christopher Reeve Paralysis Foundation, visando a melhorar a condição de vida de pessoas, que como ele, são vítimas de algum tipo de paralisia. Digno de admiração dentro e fora dos cinemas. Ele faleceu em 10 de outubro de 2004, devido a um enfarto.
 

John Haymes Newton (1988)

 
Não sei se alguém lembra (eu não lembrava), um ano depois do ultimo filme do kryptoniano estrelado por Reeve, chega à televisão a série Superboy, que trazia a versão adolescente do herói, que ainda morava em Smallville, mas já vestia sua capa vermelha, hahaha
Newton encarnou o Super por apenas uma temporada e, sem querer ofender, mas já ofendendo, tinha a maior cara de pastel!
 

Gerard Christopher (1989)

 
John Haymes Newton foi substituído por Christopher nesta mesma série do Superboy.
 
 
Ele não tem tanta cara de pastel, mas de “latin lover”, hehehe
 
Dá para notar que figurino não era o forte da produção
 
Superboy esteve no ar até 1992.
 

Dean Cain (1993)

 
Cain foi o Homem de Aço na série Lois & Clark (aqui ganhou o nome de As Aventuras do Superman). Como o titulo já denunciava, o seriado era focado mais no relacionamento de Clark com a repórter.
 
 
 
Eu, pessoalmente, não gostava dessa abordagem e a atuação de Cain nunca me convenceu, bem como a sua cara de cantor sertanejo.
 
Mas essa versão novela do Supinho fez bastante sucesso e até inspirou o casamento dos personagens também nas HQs.

Tom Welling (2001)

 
Assim como a série de 1988, Smallville também mostrava o kriptoniano ainda adolescente.
 
Entretanto, ele é apenas Clark Kent, ainda descobrindo seus poderes, ao mesmo tempo em que vive os conflitos típicos da idade, o que é bem zZz para o meu gosto, mas Welling é um gatinho 😉
 
A série ficou marcada pelas inúmeras participações de atores das versões anteriores do herói, como: Anette O’Toole, que interpreta a mãe de Clark e fez o papel de Lana Lang em Super-Homem III; Terence Stamp (o General Zod  de Superman II) interpretou Jor-El, o pai biológico de Clark; além de Christopher Reeve, Margot Kidder (a Lois dos quatro filmes com Reeve) e Dean Cain que também fizeram participações especiais ao longo do seriado. Smallville rendeu 10 temporadas. A música-tema, Save Me, do Remy Zero também fez sucesso:
 

Brandon Routh (2006)

 
Bryan Singer, que dirigiu os dois elogiados primeiro filmes dos X-Men, abandonou o terceiro da franquia para comandar Superman: O Retorno, que se passa após os acontecimentos do segundo filme com Christopher Reeve.
 
 
Embora tenha semelhança física com Reeve, Roth não possui o mesmo carisma e o resultado é um Superman apático. O Filme não agradou nem ao publico nem a critica. Não o acho um filme tão ruim quanto falam por aí, mas tem momentos extremamente enfadonhos.
 
 
Singer deveria ter ficado em X-men 3, acho que teria sido melhor para todo mundo.
 

Henry Cavill (2013)

 
Cavill encarna o Superman da nova geração, que, dizem, tá matador. Dessa vez, trata-se de um reboot sem ligações com os filmes anteriores.
 
Uniforme em braile? Posso ler?
 
 
É esperar para conferir.
 
Só tenham em mente: a direção é do Zack Snyder…
The following two tabs change content below.
Formada em Letras, apaixonada por Literatura e viciada em Cultura Pop. Tornou-se irremediavelmente fã de Jaspion aos 3 anos. Quando criança (e ainda hoje) preferia os filmes do Schwarzenegger a qualquer desenho da Disney e acha que o Viggo Mortensen também é lindo sem a caracterização de Aragorn

Latest posts by Dri Tinoco (see all)

Compartilhe: